Twitter: o microblog pop

Publicado: 22/08/2009 em Reportagens
Tags:, ,

Há três anos no ar, a rede social não para de crescer e atrair pessoas interessadas em trocar informações

Programas de televisão (@rede_globo), jornais (@g1), revistas (@veja) personalidades (@manomenezes), políticos (@BarckObama), empresas (@DellOutlet) e muitas pessoas comuns como nós (@danielamachado) estão lá, na nova e popular rede social chamada Twitter. Pessoas narram palestras, jogos de futebol e até assaltos através da ferramenta. Roupas, computadores e apartamentos são vendidos via Twitter. A grande aparição na rede social aconteceu em janeiro, quando um empresário que participou do resgate dos passageiros e tripulantes do avião Airbus A320, que caiu no rio Hudson em Nova York, enviou uma foto do acidente através do seu iPhone. Mas afinal, o que é esse tal de microblog de que tanto falam?

Da onde surgiu isso?

Pode até não parecer, mas o Twitter é mais velhinho do que imaginamos. Criado em 2006 por Evan Willians e Biz Stone, o Twitter surgiu com a finalidade das pessoas postarem o que estão fazendo naquele momento, como se fosse um diário. Contudo, ele começou a ganhar popularidade no final do ano passado.twitter bird

A origem do nome “Twitter” remete ao som do piar repetitivo do pássaro, por isso ele é o ícone do serviço. Uma pessoa “pia” aqui, outra acolá e assim os tweets formam uma rede de comunicação entre os usuários da rede social. O tamanho limitado da postagem (140 caracteres) torna o Twitter um microblog, pois permite atualizações rápidas e curtas de diferentes suportes, o diferenciando dos blogs tradicionais.  Diariamente o usuário recebe mensagens de pessoas com as quais tem algum grau de relacionamento (amigos) ou interesse (celebridades ou trabalho) ou retwita a mensagem caso ache ela interessante.

Pra que serve 140 caracteres?

O Twitter é usado pela maioria dos usuários como divulgador de links na Web (vídeos, notícias, imagens). Posts estes que não valem a pena serem divulgados em um blog, mas que ao mesmo tempo são de interessante as demais pessoas. Mesmo assim, alguns twitters seguem o formato proposto pela ferramenta, o utilizando como um rápido diário contextualizando onde ou como a pessoa está naquele momento.

A ferramenta se tornou conhecida no Brasil em 2007 e desde então diversas são as formas dos brasileiros usufruírem suas potencialidades. Dados divulgados pelo Ibope confirmam: em junho o Brasil assumiu a liderança no Twitter, com cerca de cinco milhões de visitas ao serviço de microblog. Nos primeiros três meses do ano, o crescimento foi de 258% da navegação brasileira no Twitter, de 255 mil acessos únicos em janeiro para 999 mil em abril. Com os números, o país fica à frente dos Estados Unidos, onde a ferramenta é usada por 11% dos internautas, e Reino Unido, onde a penetração é de 9%.

Quem usa?

No dia 12 de maio o Twitter Central, site que oferece dicas e ferramentas para o Twitter, iniciou uma pesquisa para descobrir o perfil dos usuáriosNovas funcionalidades são implementadas constantemente na ferramenta do Twitter no Brasil. Dos 1226 internautas que usam a ferramenta e que responderam a pesquisa quase 60% são homens, pouco menos de 40% são mulheres e 2% são empresas. A maioria dos participantes da pesquisa (43%) tem idade entre 19 e 24 anos e a segunda faixa etária mais freqüente é a dos 25 a 30 anos, com 30% dos usuários. Em termos de localização, 43% dos usuários estão em São Paulo, 12% no Rio de Janeiro e 11% em Minas Gerais. Um estudo conduzido pela Harvard Business School constatou que 80% dos usuários “são seguidos” ou “seguem” ao menos um usuário, percentual maior do que em outras redes sociais onde 60% a 65% dos usuários têm ao menos um amigo.

Ainda no mês de maio, o Ibope Nielsen Online mediu o número de pessoas com acesso à internet no Brasil em casa ou no trabalho. Das 44,5 milhões com acesso a rede, 34,5 milhões usaram a internet em maio de 2009 em casa ou no trabalho. Estes números compravam o grande volume de informações que circulam durante o dia no Twitter.  Muitos tweets provem de pessoas que lêem e compartilham links e informações durante o horário do expediente. Algumas, inclusive, falam da sua rotina no trabalho.

Mídia social ou rede de informação?

No dia 22 de outubro, Biz Stone, cofundador do site afirmou que o Twitter é uma rede de informação e não uma mídia social. Ele diz isso, pois a ferramenta é usada para as pessoas dizerem o que está acontecendo ao seu redor, como protestos e terremotos. A

O Twitter é mais uma rede social que veio para ficar, apesar de muitas pessoas criarem um perfil e desistirem de mantê-lo depois, aqueles que simpatizaram com a ferramenta não deixar de acessar o microblog. Também neste mês os tweets passaram a constar das buscas feitas no Google ou no Bing, o sistema da Microsoft.

As redes sociais como um todo estão crescendo no mundo inteiro. Segundo uma pesquisa da comScore World Metrix, em março, mais de 700 milhões de pessoas em todo o mundo usavam serviços de rede social, o que representa mais de 60% do total de usuários da internet naquele mês. No Twitter os usuários compartilham com os seus seguidores hiperlinks para divulgação de páginas com conteúdo que julgam relevantes, formando uma rede colaborativa, apesar de 40% dos usuários da ferramenta não postaram nenhuma mensagem desde o primeiro dia em que criaram a conta.

Quais são as vantagens de criar uma conta?

O que mais encanta é a facilidade de atualização dos posts. Mesmo longe da tela do computador, o usuário pode se manter atualizado sobre tudo o que se passa no mundo do Twitter através do celular. O microblog também permite que o seu usuário escolha seguir aquelas pessoas ou empresas que considera ter um conteúdo relevante. O internauta customiza não só o layout da sua página, mas monta o seu mural de amigos de acordo com as suas preferências, mesma coisa que os portais de notícia já vem fazendo há algum tempo.

Estamos diante de uma revolução na forma de se expressar. Na escola fazíamos redação de duas páginas para expressar uma idéia, hoje temos apenas 140 caracteres e nada mais do que isso. Alguns dizem que o Twitter vai acabar, pois não gera lucro para seus criadores, outros especulam que ele acabará sendo comprado pelo Google. Seja como for, vale a pena estar presente nesta rede social que mais cresceu nos últimos tempos e descobrir os seus encantos antes que ela se torne mais uma meio onde as pessoas disputam espaço com os anúncios publicitários (bons tempos aqueles em que os nossos amigos do Orkut não eram empurrados para o meio da página por um banner gigante).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s